Investigação temporal da intervenção coronária percutânea nas síndromes coronárias agudas sem supradesnivelamento do segmento ST

Resumo Introdução: A intervenção coronária percutânea é o método preferencial de revascularização miocárdica nos pacientes com síndrome coronária aguda. No presente estudo, objetivamos analisar o perfil e os desfechos clínicos de pacientes com síndrome coronária aguda sem supradesnivelamento do segmento ST submetidos à intervenção coronária percutânea. Métodos: Um total [...]

Oclusão percutânea do apêndice atrial esquerdo com prótese Watchman em paciente com fibrilação atrial e malformação arteriovenosa cerebral

Resumo A fibrilação atrial é a arritmia mais relacionada à ocorrência de acidentes vasculares cerebrais isquêmicos. A prevenção desses eventos é o principal desafio no tratamento dos portadores de fibrilação atrial. A anticoagulação sistêmica com varfarina, apesar de efetiva, apresenta diversas limitações e o surgimento dos novos anticoagulantes orais expandiu [...]

Perfil Clínico dos Pacientes com Miocardiopatia Hipertrófica com Cardiodesfibrilador Implantável e Arritmia Supraventricular

Introdução Fatores de risco na Miocardiopatia Hipertrófica (MCH) são utilizados para indicar a prevenção primária de morte súbita (MS). Apesar de evidências insuficientes, sugere-se que taquicardias supraventriculares (TSV) sejam gatilhos para Fibrilação Ventricular e/ou Taquicardia Ventricular. Baixar o artigo completo em PDF Perfil Clinico Dos Pacientes

Trombose Aguda de Prótese Mecânica Mitral Tratada Efetivamente com Trombólise

Mulher com 61 anos de idade, portadora há 11 anos de prótese mecânica, foi internada com dispnéia súbita, palidez e fibrilação atrial. A avaliação diagnóstica incluiu ecocardiografia transesofágica, que demonstrou restrição importante da mobilidade de um dos folhetos da prótese mitral e imobilidade do outro, juntamente com imagem de espessamento [...]

Angina ao repouso provocada por espasmo coronariano: mito ou realidade?

Resumo: A Angina de Prinzmetal foi descrita em 1959, sendo caracterizada por ataques recorrentes de dor precordial ao repouso associados à elevação transitória do segmento S-T. Documentamos o caso de um homem, 58 anos, tabagista, previamente livre de sintomas coronarianos, que foi admitido com dor retroesternal aguda. O eletrocardiograma mostrou [...]

Características, benefícios e consequências dos algoritmos de minimização da estimulação do ventrículo direito por dispositivos de estimulação cardíaca artificial

Resumo: Os dispositivos implantáveis de estimulação cardíaca artificial (marcapasso definitivo, cardiodesfibrilador e terapia de estimulação multissítio para ressincronização cardíaca) têm benefícios bem estabelecidos e indicações em expansão. Diversos estudos e publicações têm demonstrado que a estimulação cardíaca artificial convencional não é isenta de efeitos adversos (dissincronia ventricular, risco de insuficiência [...]

Ir ao Topo